Atualizado em Thu Aug 17 17:08:29 GMT-03:00 2023

por Equipe Santander

c. concepts / client-service/Bank and Counter/simple credit Copy 11

Modo escuro

0:00

 / 

0:00

Não é de agora que pessoas mal-intencionadas fazem ligações a fim de aplicarem golpes, não é mesmo? Essa prática relativamente comum já é conhecida por muitos brasileiros, os quais seguem atentos para não passarem informações pessoais em qualquer chamada telefônica.

Mas, como falar de segurança nunca é demais, iremos explicar direitinho como funciona o chamado golpe da Falsa Central Telefônica. Assim, você saberá ainda mais como se proteger desse golpe que causa tantos prejuízos financeiros para as pessoas que são vítimas. Boa leitura!

O que é o golpe da Falsa Central Telefônica?

Falsa Central Telefônica, ou golpe do falso contato telefônico, acontece da seguinte maneira: golpistas simulam uma falsa central de atendimento e se apresentam como um funcionário do banco.

Durante a ligação, eles utilizam o argumento de que há movimentações suspeitas em sua conta, e para resolver precisam fazer atualizações de segurança solicitando dados cadastrais, código do ID Santander, senhas ou então pedem que você realize uma transação para cancelar a não reconhecida. Afinal, é como se quisessem proteger as suas finanças.

Elas se passam por funcionários de verdade que querem te ajudar, chegando até a simular uma Central de Atendimento para criar um cenário o mais próximo possível da realidade e, consequentemente, enganarem quem atender a ligação.

Mas, aí é que o golpe do falso contato telefônico acontece: eles irão usar essas informações para aplicarem golpes financeiros posteriormente e causar prejuízos. Portanto, se atender o seu telefone e perceber algo como descrito assim, fique ligado porque é golpe!

| Veja também: aprenda como se proteger do Golpe do Delivery.

Confira as principais dicas para evitar cair nesse golpe

Se você não deseja nunca ser uma vítima do falso contato telefônico, confira as dicas dos nossos especialistas para evitar este tipo de golpe:

•  Dica nº 1: saiba que o Santander nunca faz ligações solicitando dados de acesso, senhas ou códigos de dispositivos de segurança, atualizações com digitação de senhas, foto de QR Code, código de validação do ID Santander, agendamento para entrega ou devolução de cartões de crédito ou débito.

•  Dica nº 2: também desconfie de ligações em nome do banco pedindo que você faça uma transação para cancelar uma compra suspeita ou um Pix indevido, já que essa não é uma prática do Santander.

•  Dica nº 3: não acredite se disserem que é para ir ao caixa eletrônico fazer um procedimento de cancelamento de uma operação, porque nós não pedimos isso em hipótese alguma.

•  Dica nº 4: nunca forneça os seus dados pessoais ou bancários para ninguém. Eles são somente seus e não devem ser compartilhados com outras pessoas.

Para reforçar, nunca forneça os seguintes dados:

- Informações pessoais como endereço, nome completo, documentos RG e CPF;
- Número e o nome utilizado no cartão, validade e código de segurança (CVV);
- ID Santander;

Caso você tenha vivido alguma situação parecida com a que descrevemos sobre o golpe da Falsa Central de Atendimento, ou falso contato telefônico, entre em contato com a nossa Central de Atendimento (4004-3535) o quanto antes para que possamos te ajudar e tomarmos as devidas providências a respeito.

Aqui no Blog, estamos sempre divulgando quais são os golpes do momento para que você se atualize sobre esse assunto. E não para por aí: você pode fazer o nosso curso Cyber Hero para descobrir ainda mais sobre segurança digital.

Seja um Cyber Hero

Avalie esse artigo