Ativos Intangíveis

PERFIL

Nos últimos dois anos, trabalhamos para construir um banco que reunisse as melhores práticas do Santander e do Real. Agora, vamos em busca de novas conquistas no mercado brasileiro

leia mais »

DOWNLOADS

PDFs dos documentos PDFs dos documentos
Home » Ativos Intangíveis » Solução de ponta
Aumentar fonte Diminuir fonte

Solução de ponta

O DATACENTER QUE ESTá SENDO CONSTRUÍDO EM CAMPINAS, SãO PAULO, LOCALIzA-SE EM TERRENO PRóxIMO à UNICAMP E DEvE FICAR PRONTO EM 2012. SEU PROjETO CONTEMPLA O QUE ExISTE DE MAIS MODERNO EM TERMOS DE TECNOLOGIA E váRIAS SOLUçõES DE CONSTRUçãO SUSTENTávEL. vEjA Só:

* Clique nos textos do mapa para ampliar

O datacenter tem a maior classificação possível (TIER IV) para esse tipo de construção. Opera com dois sistemas de energia, dois de refrigeração e dois de segurança, que funcionam simultaneamente e garantem o serviço caso haja algum problema externo. Possui autonomia de até 96 horas de funcionamento sem interferência externa. Sua disponibilidade no ano é de 99,9%.

A obra segue padrões para receber a certificação Leed (Leadership in Energy and Environmental Design), concedida pela ONG Green Building Council para construções sustentáveis. EN7

No Breaks dinâmicos armazenam energia cinética e são mais eficientes do que os convencionais, que utilizam baterias que emitem hidrogênio e descartam chumbo. Esses equipamentos acionarão os geradores na ausência de energia e alimentarão o CPD.
A refrigeração foi planejada para usar futuramente o freecooling. Essa tecnologia aproveita o ar externo para resfriar equipamentos e será utilizada quando os equipamentos de TI permitirem operar em temperaturas mais altas que as atuais, economizando energia na refrigeração. EN7
Modernos equipamentos de ar-condicionado, construídos com compressores que "flutuam" magneticamente e evitam o atrito com os mancais, permitem um consumo menor de água e energia. Essa tecnologia, utilizada pela primeira vez no Brasil, também demanda menos manutenção. EN7
Todo o complexo está equipado para captar, armazenar e reaproveitar água de chuva. EN10
A utilização de vidro no acabamento do prédio operacional permitirá que haja maior incidência de luz solar, economizando energia com iluminação. Esse vidro foi concebido com tecnologia que evita o aquecimento interno, o que diminui a necessidade de refrigeração.
A área construída ocupará somente 20% do terreno, que tem 600 mil m². Mais de 9 mil árvores de 116 espécies nativas serão plantadas, fato que contribuirá para manter a permeabilidade do solo elevada.
Equipamentos de última geração e processos automatizados reduzirão em 30% o consumo de energia em relação a datacenters de geração anterior.EN7
Parte do datacenter fica abaixo do nível do solo, o que diminui a incidência do sol e ajuda a manter a temperatura mais baixa, reduzindo também a necessidade de refrigeração por ar condicionado.EN7
A iluminação dos estacionamentos será alimentada por energia eólica e solar, o que deve gerar uma economia aproximada de 11.000 kWh/ano. EN7

Estrutura do Relatório