Atualizado em 05-05-2022

por Equipe Santander

Durante os meses de declaração do Imposto de Renda, sempre aparecem muitas dúvidas de como declarar seus bens e, principalmente, o que precisa ser declarado. Neste artigo, vamos falar para você, brasileiro que tem alguma fonte de renda provinda de outros países, pois esses ganhos também precisam entrar nos dados que serão transmitidos para a Receita Federal. Assim, você não correrá riscos de cair na malha fina.

A hora de tirar as dúvidas sobre essa informação na sua declaração é agora, lembrando sempre que as declarações começaram a ser enviadas para a Receita no dia 7 de março e o prazo final é no dia 31 de maio.

Também vale a pena conferir o guia completo sobre Imposto de Renda Pessoa Física que criamos com as novidades de 2022.

Como declarar conta no exterior?

Primeiro, é importante saber quem precisa declarar rendimentos do exterior, qualquer que seja a quantia. São elas: pessoas que realizam aplicações no mercado de investimentos internacional, quem recebe rendimentos no exterior, como os derivados de aluguéis e, por último, contribuintes que prestam serviços e recebem pagamentos de empresas estrangeiras.

Já que existem diferentes condições e perfis de contribuintes, é importante ter muita atenção. Por isso, se você não se sentir confortável em fazer a própria declaração, procure os serviços de um contador e evite erros no envio do seu documento.

O câmbio do país, por exemplo, precisa ser levado em consideração, assim como o tipo de rendimento. Essas informações podem diferenciar a porcentagem do imposto pago.

Passo a passo da declaração

No aplicativo ou site da Receita Federal, ao fornecer suas informações referentes ao Imposto de Renda de Pessoa Física, faça o seguinte:

1. Vá até a seção “Declaração de Bens e Direitos – Depósito bancário em conta corrente no exterior” e preencha o campo “Discriminação”, com os dados da conta bancária internacional.

2. No campo “Situação em 31/12/2020”, informe o saldo da conta em reais depositado até 31 de dezembro de 2020. Faça o mesmo no campo “Situação em 31/12/2021”, mas indicando o saldo existente na conta nessa outra data. Lembre-se sempre que o valor deve estar convertido em reais, levando em consideração o valor do dólar no dia.

Conta Internacional Santander

Aqui no Santander, temos uma solução ideal para gestão de caixa no exterior de empresas que importam ou exportam e também das que querem expandir os seus negócios internacionais.

Abrir conta internacional

Se você não sabe onde conseguir os valores depositados nessa conta nas determinadas datas, fale com o banco, pois toda instituição financeira deve enviar o informe de rendimentos ao fim de cada ano.

Como mostramos, sua conta no exterior precisa estar presente na declaração de IRPF, mas se você é investidor, conheça 6 investimentos com isenção.

Mais uma vez: o prazo final para a declaração é no dia 31 de maio. Se você atrasar ou não fizer a declaração, veja aqui o que fazer.