Atualizado em 13-12-2021

por Equipe Santander

Quando entendemos que vamos precisar de um empréstimo é necessário ter cautela e estudar bastante sobre o assunto para não deixar que as emoções tomem conta no momento da decisão.

Principalmente porque existem diversos tipos de golpes envolvidos com operadoras de crédito falsas, agiotas mal intencionados e outros tipos de artimanhas para “pescar” um cliente que precisa de empréstimo.

Por isso, separamos algumas dicas para você seguir com atenção ao procurar por um empréstimo confiável.

1. Pesquise as informações cadastrais da empresa

Você pode checar, por exemplo, o número do CNPJ da empresa pelo site da Receita Federal e descobrir se as informações são verdadeiras. Também busque saber se a empresa que você encontrou está regularizada nas normas do Banco Central para conceder crédito.

2. Para empréstimos online, certifique-se que o site é seguro

Preste atenção se o site possui selos com certificados de segurança, como, por exemplo, o símbolo do cadeado no início do endereço do site. Além disso, você pode acessar o nome da empresa pelo portal do Reclame Aqui para entender a sua reputação e ainda verificar nas redes sociais da empresa o que as pessoas estão comentando sobre ela.

3. Não realize pagamento antecipado

As instituições financeiras e agentes certificados pelo Banco Central no Brasil não exigem pagamento antecipado para aceitar a solicitação de um empréstimo. Na verdade, essa prática é configurada como crime e esse é um dos sinais que você pode estar sofrendo um golpe. Por isso, fique atento.

4. Cuidado com boletos falsos

Alguns fraudadores podem tentar se passar por operadoras de empréstimos já contratadas anteriormente por você enviando boletos falsos para o seu Whatsapp ou e-mail. Por isso, confira os dados do boleto e preste atenção se há alguma informação divergente. Por exemplo: número do banco, registro do beneficiário e até o valor. Se estiver desconfiado, entre em contato com a empresa através dos seus canais oficiais e verifique.

5. Verifique se o canal de comunicação é o oficial da empresa

Caso tenha recebido alguma mensagem através do WhatsApp, e-mail ou redes sociais de uma empresa de empréstimos, verifique se existe o selo de conta verificada no perfil. Muitos fraudadores podem tentar se passar por essas empresas pedindo transferência de dinheiro, os seus dados pessoais ou outras informações sigilosas. Se estiver em dúvida, entre em contato com a empresa através do site oficial para ter certeza.

6. Não informe senhas do cartão ou códigos de acesso

Tenha cuidado com as suas senhas do cartão ou códigos de acesso dos seus aplicativos como o WhatsApp, por exemplo. Salve sempre em um lugar seguro, use senhas diferentes e não compartilhe com ninguém. Muitos fraudadores podem se passar por empresas confiáveis e solicitar seus dados do cartão por mensagem, essa não é uma prática comum, então desconfie.

7. Desconfie de abordagens informais

Fique atento aos detalhes na hora em que uma empresa entra em contato com você oferecendo empréstimos. Mensagens com erros de gramática ou abordagens muito informais com áudios pelo WhatsApp, por exemplo, demonstram uma grande chance de você estar sendo vítima de um golpe.

8. Cuidado com ofertas “imperdíveis” e taxas muito baixas

Não existe condição “milagrosa” para receber um empréstimo. Quando os juros de empréstimo são muito baixos e o valor oferecido é muito alto, diferente das taxas praticadas pelo mercado, redobre os cuidados. Muitos golpistas se aproveitam da condição vulnerável da pessoa que precisa de um empréstimo. Por isso, pesquise bastante e escolha uma instituição financeira confiável.

9. Não é preciso entregar o seu bem para ter acesso ao crédito

Nenhuma empresa confiável que oferece empréstimos toma o seu bem para conceder o dinheiro. Quando você opta pela modalidade de empréstimo com garantia, após a solicitação do crédito e o contrato efetivado, é feita a alienação do seu veículo e você pode continuar utilizando o seu bem normalmente.

10. Fuja de empréstimos com um agiota

No momento em que estamos fragilizados podemos não perceber a ação de pessoas mal-intencionadas. O que acontece com a prática da agiotagem é que o tipo de negociação, muitas vezes, é informal. Por praticarem taxas muito altas e fora do limite de permissão pelo Banco Central, acaba sendo um crime. Além disso, ainda podem tentar te extorquir ou colocar a vida da sua família em risco se você não der conta das parcelas, tornando sua vida muito mais complicada e até perigosa.

Agora que você já sabe os principais cuidados que precisa ter ao buscar por um empréstimo, fique sempre atento às opções do mercado. Pesquise muito e entenda as condições de contrato de cada possibilidade.

Caso você esteja buscando por empréstimo sem burocracia, descubra como conseguir um empréstimo com as melhores taxas, de forma 100% digital e segura através do aplicativo da Empréstimo Sim.

Conheça a Empréstimo Sim, fintech do Santander.