Atualizado em 15-03-2022

por Equipe Santander

Após o anúncio da suspensão do DPVAT esse ano e a mudança no IPVA 2022, o Detran de São Paulo também realizou algumas alterações no calendário de licenciamento anual.

Agora, o prazo para pagamento do licenciamento se inicia em julho e os motoristas precisam se programar para não perder os novos prazos e correr o risco de ter o veículo recolhido ao pátio.

Se você circula pela cidade de São Paulo e ainda não regularizou o licenciamento de veículo de 2022, preste atenção nas mudanças abaixo e veja como é fácil quitar os débitos pelo Santander.

Não se esqueça: Essa alteração é exclusiva do Detran-SP. Para conferir se existe novas regras no seu estado, acesse o site oficial do Detran da sua cidade.

Mudanças 2022

Com a alteração no número de parcelas do IPVA 2022, o Detran-SP anunciou um novo prazo para pagamento do licenciamento. Anteriormente ele era iniciado em abril e, agora, começa em julho e termina em 31 de dezembro.

Além disso, o licenciamento passa a ser feito com dois finais de placa por mês até outubro, ficando com o seguinte calendário:

Calendário do Licenciamento 2022

Válido para veículos leves, ônibus, reboque e semirreboque.

  • Julho: veículos com placas finais 1 e 2

  • Agosto: veículos com placas finais

  • Setembro: veículos com placas finais 5 e 6

  • Outubro: veículos com placas finais 7 e 8 em outubro

  • Novembro: veículo com placa final 9

  • Dezembro: veículo com placa final 0

Importante: em 2022, os donos de carros estarão isentos do pagamento do DPVAT.

Valor da taxa

Outra mudança de acordo com o Detran, é no valor da taxa de licenciamento para automóveis usados e novos. Esse ano, o valor passa a ser de R$ 144,86. Diferença grande, se compararmos os valores do ano passo, no qual as taxas eram de R$ 98,91 e R$ 131,80. Essa alteração no valor reflete uma alta de 46,45% para veículos usados e 9,9% para os novos.

Antecipação do licenciamento

Quem possui veículo na cidade de São Paulo também pode adiantar o pagamento do licenciamento quando for pagar o IPVA.

Funciona assim, na hora de realizar o pagamento do IPVA, você pode optar por uma das opções abaixo para pagar o licenciamento junto:

- Escolhendo o pagamento da cota única do IPVA, ou seja, pagando o valor integralmente na data do vencimento.
-Somando à primeira parcela do IPVA, que vence em fevereiro.

Mas, lembre-se: para fazer o licenciamento antecipado, o veículo deve ter sido licenciado em 2021 e não pode apresentar eventuais débitos como, por exemplo, multas. Caso exista, os débitos precisam ser quitados antes.

Como pagar o licenciamento 2022 no Santander?

1. Abra o App Santander e acesse sua conta.

2. Em seguida, vá até o menu lateral, sinalizado pelos 3 pontos e escolha a opção “Transações”.

3. Depois, clique em “Veículos” e selecione o veículo cadastrado.

4. Agora, escolha a modalidade “Licenciamento”.

5. Nessa opção, você vai ver que aparece o valor de pagamento junto ao IPVA. Caso já tenha realizado o pagamento do IPVA, siga com o “Licenciamento” e clique em “Continuar”.

6. Confira os dados apresentados (conta, veículo e proprietário) e clique em “Pagar”.

Atenção: o documento do licenciamento não é mais emitido em papel e enviado a sua residência. Agora, ele é digital. Para ter acesso ao documento, baixe o App da Carteira Nacional de Habilitação em seu celular.  

Para cadastrar um veículo no App Santander, siga o passo a passo abaixo:

1. Selecione seu Estado (apenas disponível para São Paulo).
2. Digite o número do Renavam.
3. Coloque um nome para o veículo no campo “Apelido”.
4. Por fim, clique em “Cadastar”.

O pagamento do Licenciamento 2022 também pode ser feito pelo Internet Banking:
Login > Transações > Veículos > Selecione o veículo cadastrado > Licenciamento

Não tem conta no Santander?
Clique no botão abaixo e veja como é rápido e fácil abrir sua conta com a gente. E o melhor: você não precisa sair de casa.

Abrir conta

Agora que você já sabe como licenciar o seu veículo e quais as regras que mudaram para o estado de São Paulo, não se esqueça de realizar o pagamento na data correta.

Assim, você evita ser autuado com infração gravíssima conforme determinação do Código de Trânsito Brasileiro (CTB), receber multa de R$ 293,47 e sete pontos na Carteira Nacional de Habilitação (CNH). Sem contar que também pode correr o risco de ter o veículo recolhido ao pátio.

Então já sabe, né? Fique de olho no prazo! E se estiver com problemas para organizar as finanças, aqui no Blog Santander, você encontra diferentes conteúdos que podem te ajudar, como esse aqui.

Até a próxima!!!


Todas as opiniões e depoimentos contidos nesta publicação foram tiradas das fontes aqui informadas. Esse blog possui caráter informativo, não representando a opinião, recomendação ou posicionamento formal do Santander ou das empresas de seu conglomerado.

Fonte: Detran-SP e Valor Globo