Atualizado em Tue Dec 05 15:47:40 GMT-03:00 2023

por Equipe Santander

c. concepts / client-service/Bank and Counter/simple credit Copy 11

Acessibilidade

c. concepts / client-service/Bank and Counter/simple credit Copy 12
Aumentar espessura do texto Aa
Preto e amarelo - tema para daltônicos (WCAG 16:44:1)
Preto e branco - tema para daltônicos (WCAG 21:1)
c. concepts / client-service/Bank and Counter/simple credit Copy 11

Modo escuro

0:00

 / 

0:00

Planejar o seu futuro é um passo importante a ser dado e deve ser feito o quanto antes. Por exemplo, como você deseja estar financeiramente em sua aposentadoria? Se a questão de renda for uma preocupação para você, não deixe de conhecer o novo título do Tesouro Direto: o Tesouro RendA+.

Iremos explicar tudo sobre o Tesouro RendaMais, o título complementar para a sua aposentadoria, que você precisa saber. Vamos lá?

O que é o Tesouro Direto RendA+?

Antes de explicarmos esse novo título em detalhes, é importante contextualizar o que é o Tesouro Direto: programa do Tesouro Nacional, lançado em 2002, que vende títulos públicos federais para todas as pessoas físicas, e os quais têm diferentes tipos de rendimento e de liquidez.

O objetivo do Tesouro Direto é possibilitar que qualquer brasileiro consiga investir e aprender sobre este tema, o que visa a democratização do acesso aos títulos públicos lastreados em dívidas federais. Considerando isso, no final de janeiro, foi lançado mais uma possibilidade para os investidores dentro deste programa: o Tesouro RendA+.  

Ter o hábito de poupar dinheiro e saber como investi-lo é ideal para quem quer estar o mais perto possível da segurança financeira ao se aposentar, independentemente de quando for esse período para você.

Por isso, esse título do Tesouro Direto pode ser uma solução, visto que, ao investir mensalmente por alguns anos e chegar na data de resgate, você começará a receber uma renda mensal.

Guia do Tesouro Direto

Entenda quais são as suas principais características

O Tesouro RendaMais tem valor mínimo de R$ 30 e foi criado para funcionar como uma renda extra para a aposentadoria dos brasileiros, assim como ser um complemento do valor fornecido pela previdência pública (INSS) ou privada. Trata-se de um investimento de longo prazo com algumas características diferentes dgos demais títulos públicos do Tesouro Direto.

Esse produto tem como benefícios ser acessível, rentável, de baixo custo e simples de ser mexido. Isso porque ele é de fácil entendimento. O principal ponto que você precisa saber sobre ele é que exige ficar algumas décadas com o dinheiro investido, enquanto são feitas aplicações para o mesmo prazo de recebimento, de preferência.

Como funciona o Tesouro RendA+

Não é nada complicado o seu processo: o título público Tesouro RendaMais conta com duas etapas. A primeira é a de investir o seu dinheiro e a segunda, de receber essa renda em valores mensais, como você viu acima.

Antes de mais nada, deve ser definido quando você deseja se aposentar e qual renda extra quer de ter nesta fase da vida. Em seguida, é preciso escolher alguma das datas disponíveis que esse valor comece a ser recebido, também chamado de data de vencimento. Atualmente, as opções são: 2030, 2035, 2040, 2045, 2050, 2055, 2060 e 2065.

O Tesouro RendA+ certifica uma taxa de juros junto com a variação da inflação, a qual é medida pelo Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), e por isso é um título semelhante ao Tesouro IPCA+.

A diferença é que a quantia investida não será resgatada com o rendimento de uma única vez, como aconteceria com outros título de renda fixa, mas ao longo de 20 anos ou 240 meses a partir da data escolhida. E esse é um dos fatores pelos quais o Tesouro RendA+ foi feito especialmente para a aposentadoria da população.

Dessa forma, durante a sua fase de aposentadoria e velhice, você irá receber mensalmente um determinado valor, o que poderá auxiliar a arcar com as despesas, como as contas de consumo comuns.

Informação importante: se você, investidor, resgatar o valor investido antes da data de vencimento, será cobrada uma taxa. Além disso, caso precise do dinheiro antes desta data, há uma carência de 60 dias da data de contratação para resgate do título.

Como investir no Tesouro RendA+ pelo Santander

Você pode investir diretamente por um de nossos canais:Home Broker ou App Santander Corretora. Se já for cliente, entre em sua conta e procure por esse título para dar início aos seus investimentos. Aproveite e faça agora mesmo para garantir maiores retornos em sua aposentadoria!

Ainda não é cliente? Abra sua conta para saber todas as facilidades e vantagens que o Santander tem para você.

Avalie esse artigo