Atualizado em 17-02-2022

por Equipe Santander

Quantos brasileiros usavam o cheque para realizar pagamentos há 20 anos? E quantos continuam usando ainda hoje? Pois é, conforme os anos passam, os hábitos de compra mudam. Sob o mesmo ponto de vista, nos últimos dois anos, uma nova forma surgiu no mercado e conquistou os brasileiros: o pagamento por aproximação.

Em 2020, uma pesquisa global feita pelo Mastercard mostrou que 69% dos brasileiros entrevistados adotaram o método no dia a dia. É muita gente! Será que há explicação? É bem possível que o uso do dinheiro em espécie siga diminuindo por questões de conveniência e de higiene, conforme todas as orientações que passamos a seguir durante a pandemia da Covid-19.

Você já faz uso do pagamento por aproximação? No artigo de hoje, vamos explicar como essa tecnologia funciona e explicar todas as vantagens e desvantagens de usar essa função. Confira!

Como funciona o pagamento por aproximação?

A tecnologia que faz essa funcionalidade ser possível utiliza um campo de proximidade para concluir a transação, ou seja, basta que os dois dispositivos estejam próximos um do outro, o pagador e o recebedor.

O pagamento por aproximação é rápido e simples: a máquina de cartão de uma loja, por exemplo, recebe a informação do pagamento através da aproximação do cartão do cliente e realiza a captura dos dados. Ah, também é possível com celular, smartwatch ou pulseira inteligente.

Na maioria das vezes, nem a senha será preciso digitar na máquina, já que esse recurso só é requerido em algumas situações por razões de segurança. Vamos supor que você vai realizar uma compra e o valor seja muito alto, então é possível que a senha seja exigida para confirmar a transação.

Quais as vantagens do pagamento por aproximação?

A diminuição do contato físico talvez seja a principal vantagem, sobretudo por conta das mudanças que aplicamos nas nossas vidas desde o início da pandemia da Covid-19. Em outras palavras, é um recurso que vai além da vida financeira, mas também relacionado à saúde e higiene pessoal.

A velocidade e a praticidade também merecem destaque entre os principais benefícios, já que a transação é finalizada rapidamente, em muitos casos sem a necessidade da senha. Essa rapidez diminui as filas e aglomerações, por exemplo.

Por último, vale lembrar que essa tecnologia, apesar das inúmeras vantagens, é gratuita. Se o seu cartão de crédito ainda não está apto, fale com o seu gerente.

Se além do cartão por aproximação gratuito, você quer uma conta gratuita, conheça a Conta Confia do Santander, com tarifa zero no pacote de serviços. Se interessou e ainda não é correntista? Abra agora a sua conta.

É seguro pagar por aproximação?  

Sim, é o pagamento por aproximação é considerado seguro. Apesar de não ser necessário o uso da senha, é preciso ter o cartão para realizar a compra. Além disso, a cada transação, a tecnologia cria um código para proteger os dados do comprador de possíveis golpes. E vale sempre lembrar que para valores altos a senha será cobrada.

Como o cartão é a chave de tudo, caso você perca ou seja roubado, rapidamente entre em contato com o seu banco para realizar o bloqueio.

E atenção: a tecnologia pode ser desativada facilmente pelo próprio aplicativo. Começou a fazer uso da função e despois de um tempo não está mais satisfeito? Desative-a.

Em suma, é um método confiável, pois você vai utilizar cada vez menos o dinheiro em espécie, diminuindo as chances de roubo.

As novas tecnologias vão proporcionar cada vez mais novas experiências, facilitando a nossa vida. Para utilizá-las sempre da melhor maneira, esteja ao lado de um banco que vai te oferecer as melhores condições.

No Santander, você conta com diversas opções de pacotes de serviços para escolher a que mais combina com as suas necessidades, incluindo uma alternativa gratuita. Se você quer um cartão com anuidade zero e realizar seus pagamentos por aproximação, chegou a sua chance.